Capitão Nascimento se despede de Paulínia

 

Exposição de filme nacional a preço popular chega ao fim depois de 15 dias

 José Antonio Picelli
(zepicelli@gmail.com)

Público deixa o Theatro Municipal da cidade após exibição de Tropa de Elite 2

 Os flashes tomaram conta das escadarias do Theatro Municipal de Paulínia neste último mês de outubro. No lugar de máquinas profissionais fazendo a cobertura de algum lançamento teatral, câmeras amadoras (até mesmo de celulares) eram usadas para registrar uma primeira visita ao local. Tratava-se das exibições de Tropa de Elite 2 a preço popular, cuja última sessão foi exibida terça-feira, dia 2. “Não é sempre que temos a oportunidade de vir ao Theatro. É bom registrar para  poder mostrar aos amigos”,  diz o estudante Marcelo Rocha, após posar para uma foto em frente a um dos seis grandes pilares da instalação.

Entrada do Theatro

Mas fotos apenas do lado de fora da sala. “Reparei que haviam seguranças dentro da sala de exibição que chamavam a atenção de quem tentasse usar câmeras ou celulares para qualquer fim”, ressalta a jornalista Ana Flavia Blanco. De acordo com a segurança, tal repreensão tinha o objetivo de evitar que o filme pudesse ser pirateado.

Com o apoio da Secretaria de Cultura da cidade, o mais recente filme do diretor José Padilha vinha sendo exibido com ingressos a R$ 1,00 no Theatro da cidade, local este que também serviu de espaço para a pré-estréia nacional do filme no dia 5 de outubro, que contou com a presença de atores como Wagner Moura, Emílio Orciollo Neto e Tainá Müller.

Segundo a Assessoria de Imprensa da Secretaria de Cultura, a exibição do longa a preço popular teve o intuito de tornar acessível um dos filmes nacionais mais aguardados do ano, não apenas à população de Paulínia, mas à população de toda a região. Prova disso é Regiane Miranda, moradora do município de Hortolândia, que compareceu ao Theatro para conferir o filme pela segunda vez. “Esse tipo de exibição acaba sendo um incentivo ao cinema nacional, que tem pouco espaço nos cinemas convencionais. Gostaria muito que, no futuro, outros filmes nacionais fossem exibidos aqui”, revela a analista de sistemas.

De acordo com a assessora de imprensa Ana Paula Silva, existe o interesse de dar continuidade às exibições de longas nacionais a preço popular, mas tal feito dependerá do número total de espectadores, que até o final de semana, já havia ultrapassado os de 16.500.

Momentos antes da exibição do longa

O longa, que faz uma critica à corrupção na política que se relaciona com o crime organizado do Rio de Janeiro, teve o apoio de distribuição do Pólo de Cinema de Paulínia, que tem incentivado a produção do cinema nacional nos últimos dois anos. A arrecadação de Tropa 2 no Brasil superou a marca dos R$ 57 milhões no final de outubro, o que lhe rendeu o posto de maior bilheteria de um filme nacional nos anos 2000.

O Theatro Municipal de Paulínia está localizado na Av. Prefeito José Lozano Araújo, 1551, Parque Brasil 500, há cerca de 7 km da Rodovia Anhanguera. Telefone: (19) 3933-2140.

 

Público posa para fotos em escadaria

Espectador regrista fachada no celular

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s