Fora da rua

Mariáh Brasileiro  (mariahferrero@hotmail.com)

Campinas reduz em quase 50 % o número de moradores de rua

A cidade de Campinas reduziu o número de moradores de rua em 48,6% nos últimos quatro anos, segundo dados da Secretaria Municipal de Cidadania, Assistência e Inclusão Social (SMCAIS) da Prefeitura da cidade.

Um levantamento feito em outubro de 2007, pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), registrou 1043 moradores de rua, que incluem desde os moradores de debaixo de viadutos àqueles que vivem em abrigos. Já em fevereiro deste ano, a SMCAIS registrou cerca de 536 pessoas em situação de rua na cidade de Campinas.

Segundo a assistente social da SMCAIS, Izabel Alonso, muitas das pessoas em situação de rua resistem em procurar por abrigos e por isso a redução no número desses moradores vem de vários trabalhos que a secretaria vem realizando ao longo desses quatro anos. “Nossos trabalhos vão desde a abordagem, o convencimento e a ajuda que é atribuída aos moradores de rua, como serviços de saúde, programas de cursos para qualificação profissional e claro, comida e um lugar para dormir.”

Cátia Rose, coordenadora de Áreas de Políticas para Moradores de Rua, explica que o morador ao entrar em um albergue, encontra mais do que um lugar para se alimentar e dormir. “Ele também tem oportunidade de encontrar seus familiares através de um cadastro que é feito na entrada.”

A coordenadora da instituição Casa da Cidadania, Maria do Carmo, conta que a Casa da Cidadania oferece café da manhã, almoço, janta e até artesanato a fim de tentar tirá-los um pouco que seja da rua. Além disso, “a Casa também doa cobertores para tentar amenizar o frio da rua e eles podem ficar o tempo que quiser, só é preciso respeitar as regras exigidas que não permitem que os moradores cheguem com armas, bebidas alcoólicas, entre outras coisas.”

Renato Frank de Assis, morador de rua há alguns anos, agradece a oportunidade e diz que “se não fosse pelos albergues, ele estaria na rua passando frio e fome, e não há nada pior que isso.”

Serviços:

A SMCAIS, hoje, tem cerca de 150 vagas no SAMIM (Albergue Municipal), 102 em abrigos e 110 em outras oficinas que oferecem cursos profissionalizantes e artesanatos.

O SAMIM fica na rua Francisco Elisiário, nº 240, no bairro Bonfim. O telefone é (19) 3231 2999.

A Casa da Cidadania fica em uma das alças de acesso ao viaduto Cury, na Praça Ópera o Guarani, nº 10. Para contato o telefone é (19) 2116 0228.

As pessoas que desejam se voluntariar ou ajudar por meio de doações devem entrar em contato com o CSARS (Coordenadoria Setorial de Acolhimento e Referenciamento Social) no telefone (19) 2116 0228 ou no SARES (Serviço de Acolhimento e Referenciamento Social) no telefone (19) 3236 4059.

Mais informações no site www.campinas.sp.gov.br.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s